Estou de passagem neste mundo,

Mas deixo aqui o registro de minhas palavras.

Eu sou o peregrino do tempo.


quinta-feira, 10 de abril de 2008

Kizzy Ysatis am abril de 2008. Tenho escrito mais do que ando escrevendo e devia escrever mais do que escrevo. Fico meses rabiscando um capítulo no rascunho. Leva tempo (às vezes anos) para que eu conclua um livro. Uma história completa com começo, meio e fim; que eu construa as personagens e aos poucos as faça conhecer; que eu revele segredos perturbadores; que eu espalhe pistas para novos mistérios; que eu dispa a privacidade alheia excitando sempre que possível; que eu transmita, sem enfado, cada sentimento mudo ou barulhento; que eu adiante (sem estragar surpresas) as coisas miraculosas que se manifestarão naquelas páginas; e que eu conclua, mais de uma vez se preciso for e com maestria, tapando cada frasco aberto durante a feitura do enredo, no caldeirão de cenas que chamamos de romance.




3 comentários:

Juliana Fernandes disse...

Olá,
Meu nome é Juliana, sou dona do blog Clube dos Imortais ao qual o Umberto entrou em contato com você.
Postei hoje uma resenha minha sobre esse livro tão encantador.
Se puder deixar seu comentário seria um prazer recebe-lo por lá.

Gostaria de parabenizá-lo. Seu trabalho é ótimo e foi muito bom ler o Clube dos Imortais, ele nos dá uma visão diferente sobre o mito do vampiro, uma certa realidade, é bem diferente.

Enfim, Obrigado!
Abraços fraternos

Kizzy Ysatis disse...

Juliana

Parabéns! Sua resenha ficou da pontinha da orelha. Textos assim, escritos com paixão, falam mais à alma. Descreve trechos do livro que aguçam nossa curiosidade. Isso eu acho fantástico, haja sensibilidade.

Obrigado por todo esse carinho e saiba que já postei no blog. Foi um prazer, o blog está lindíssimo.

Abraços cordiais

Kizzy Ysatis disse...

para quem quiser conhecer o blog, o endereço é:

www.clubedosimortais.blogger.com.br